Publicado: Terça, 25 Outubro 2016 08:52
  Autor: Quero Educação
  Fonte: Universia Brasil
  Link: http://noticias.universia.com.br/educacao/noticia/2016/10/24/1144911/evento-elegeu-instituices-privadas-buscadas-valorizadas-alunos.html

Fonte: Divulgação/Quero EducaçãoQuero Captação premiou as instituições privadas mais buscadas e valorizadas e apresentou estudo sobre ensino superior. 


A Quero Educação, empresa de marketing educacional que administra o programa Quero Bolsa, de bolsas de estudo, reuniu, no início deste mês, líderes de grandes instituições privadas de ensino superior do Brasil. Durante o evento Quero Captação, foram reconhecidas e premiadas as faculdades que mais se destacaram no primeiro semestre de 2016, nas categorias Instituição Mais Procurada e Instituição Mais Valorizada.

Participaram da ocasião instituições do Nordeste, Sul e Sudeste do País, como Anhanguera, Anhembi Morumbi, Belas Artes, Brás Cubas, Cásper Líbero, Cruzeiro do Sul, Esamc, FAAP, FAM, Faculdade de Medicina do ABC, Metodista, Senac, UMC, UniCarioca, entre outras instituições das regiões Nordeste, Sul e Sudeste do País.

A escolha das instituições mais procuradas foi feita com base naquelas mais buscadas pelos estudantes no site do Quero Bolsa. Já as mais valorizadas, ou seja, com maior força de marca, são as financeiramente mais valorizadas pelos alunos. De acordo com o diretor de Produto & Marketing da Quero Educação, Lucas Gomes, o prêmio Instituição Mais Procurada reflete a popularidade da instituição em cada região do Brasil, enquanto o Instituição Mais Valorizada demonstra a percepção de qualidade da marca. “A premiação reconhece o trabalho das equipes de Marketing para a construção da marca e da boa reputação das instituições”, explica Gomes.

Foram premiadas na categoria Instituição Mais Procurada as faculdades Uninove (São Paulo), Uninter (Curitiba), Estácio (Curitiba, Salvador, Belo Horizonte e Recife), UDF (Brasília) e Fametro (Manaus). Já na categoria Instituição Mais Valorizada foram homenageadas a Universidade Mackenzie (São Paulo), Universidade Positivo (Curitiba), UVA (Rio de Janeiro), Unifacs (Salvador), UNA-ANIMA (Belo Horizonte), Unicap (Recife), Uniceub (Brasília) e Esbam (Manaus).

Durante o evento também foram apresentados detalhes do Panorama do Ensino Superior Privado no Brasil, um estudo realizado pela Quero Educação, com base em informações do Quero Bolsa, até o primeiro semestre de 2016, sobre o comportamento dos estudantes e das instituições privadas do ensino superior do País. De acordo com o diretor financeiro da Quero Educação, André Narciso, o Panorama reúne dados de mercado valiosos para os tomadores de decisão. “Trata-se de uma ferramenta útil de inteligência de mercado, importante para que as lideranças acompanhem as principais tendências”.

O estudo contempla temas do mercado educacional, evolução dos preços no ensino superior, a popularidade das marcas e seu poder de precificação no ensino superior, os cursos mais buscados pelos estudantes e o perfil de alunos bolsistas. “Nosso objetivo é apresentar soluções para que as universidades maximizem seus resultados, os estudantes encontrem as melhores opções de estudos e a sociedade tenha uma fonte confiável de informações atuais sobre o Ensino Superior no Brasil, deixando o setor como um todo mais eficiente. A divulgação do Panorama do Ensino Superior Privado é um dos meios da Quero Educação para alcançar esse objetivo”, afirma Narciso.

Na ocasião, o engenheiro especializado em varejo Alexandre Ferraz, que tem mais de 20 anos de experiência nas áreas de marketing, vendas e top management em grandes corporações e atualmente atua como diretor-executivo de mercado da Estácio Participações, palestrou sobre o tema “Os pilares de uma captação de sucesso”. Também foram oferecidas consultorias individuais aos participantes, em que foram apresentados recortes do panorama referentes às suas instituições.

Segundo o CEO da Quero Educação, Bernardo de Pádua, o evento Quero Captação tem como principais objetivos estreitar o relacionamento com as faculdades, promover uma oportunidade de troca de experiências e fornecer informações essenciais para o aumento da captação de alunos às instituições de ensino superior particulares do País. “Esta foi a primeira edição de um evento que será realizado anualmente. A meta é torná-lo, em pouco tempo, referência na área de captação para o ensino superior privado brasileiro, como fonte de informações para o aperfeiçoamento contínuo das ferramentas de gerenciamento que visem ao preenchimento das salas de aula”, afirma Pádua. 

© 2019 Funadesp. Todos direitos reservados.

Desenvolvido por AtomTech